google-site-verification=21d6hN1qv4Gg7Q1Cw4ScYzSz7jRaXi6w1uq24bgnPQc

ART LINSON - 10 FILMES ESSENCIAIS


Às vezes associamos o nome de um produtor a certos diretores ou atores, não pelo grande número de filmes juntos, mas por terem feito alguns poucos filmes, mas obras que assistimos muitas vezes. Um caso é o do produtor Art Linson, que associo imediatamente a Kevin Costner e Brian de Palma, por Os Intocáveis.

Nascido em Chicago (local onde se passa Os intocáveis, por caso), o produtor fez Direito, trabalhou com música e só foi produzir seu primeiro filme em 1975. Entre grandes sucessos de crítica e alguns poucos esquecíveis, chegou a dirigir dois filmes e roteirizar outros três. Linson, que atualmente produz o grande sucesso da TV Yellowstone, com Kevin Costner, é nosso homenageado de hoje.

Boa sessão:


Após construir um império com bebidas alcoólicas, o lendário chefe criminoso Al Capone controla Chicago com uma mão de ferro. O agente Eliot Ness tenta derrubar Al Capone e até seus melhores esforços falham por causa da corrupção que se espalha na polícia da cidade. Recrutando um grupo de elite de policiais que não serão corrompidos, incluindo o policial Jimmy Malone, Ness renova sua determinação para prender Capone.


Nos dias atuais, Frank Cross (Bill Murray) é um diretor de uma rede de televisão que é frio e só pensa na audiência. Ele encontra com Lew Hayward (John Forsythe), um falecido amigo, que o avisa sobre três fantasmas (o do Natal Passado, Presente e Futuro) que irão visitá-lo e diz para ele estar atento a tudo que eles mostrarem, pois esta é a única oportunidade de Frank se salvar.


Em 1966, durante a Guerra do Vietnã, Meserve (Sean Penn), um sargento, jura vingança, pois outro soldado, que era seu amigo, foi morto pelos vietnamitas. Assim decide "requisitar" uma jovem para ser uma fonte móvel de prazer. Ao comandar uma patrulha de cinco soldados eles raptam uma jovem e quatro dos soldados a estupram, mas um deles, Eriksson (Michael J. Fox), se recusa a praticar tal ato e tenta proteger a prisioneira, que acaba sendo assassinada pelos outros. Indignado com tal acontecimento, ele decide relatar o fato para que os responsáveis sejam julgados.

No final dos anos 50, Caroline é mãe do adolescente Tobias Wolff. Ela se casa com Dwight Hansen, acreditando que ele será bom marido e bom pai para seu filho. Mas após o casamento Dwight, que aparentava ser um bom homem, se revela insensível e violento, tornando as vidas de mãe e filho um inferno. O garoto terá que encontrar coragem para enfrentar Dwight e seguir com sua vida.


Em Los Angeles é cometido um assalto no qual são roubados US$ 1,6 milhão de títulos ao portador e três policiais são mortos no assalto. Assim, um detetive da Divisão de Roubo e Homicídio (Al Pacino) assume o caso. Apesar de contar com poucas pistas, de estar lidando com ladrões profissionais além de ter problemas em sua vida pessoal, ele tenta impedir que esta quadrilha continue operando.


Charles Morse (Anthony Hopkins) é um bilionário intelectual que acompanha Mickey Morse (Elle Macpherson), sua esposa que é uma top model, em uma sessão de fotos no Alasca. A sessão de fotos será comandada por Robert Green (Alec Baldwin), um famoso fotógrafo de moda que decide encontrar um determinado índio para ser fotografado. Assim, voa com Charles para uma localidade distante, mas o avião sofre um acidente e cai em um lago. Na floresta eles deparam com um urso que está disposto a devorá-los e assim tentam sobreviver, enfrentando fome, frio, situações apavorantes e um crescente conflito emocional. Apesar de serem bem diferentes, eles se veem obrigados a ajudar um ao outro, mas Charles suspeita que Robert está tendo um affair com Mickey e pode aproveitar a situação para eliminá-lo.


Jack (Edward Norton) é um executivo jovem, trabalha como investigador de seguros, mora confortavelmente, mas ele está ficando cada vez mais insatisfeito com sua vida medíocre. Para piorar ele está enfrentando uma terrível crise de insônia, até que encontra uma cura inusitada para o sua falta de sono ao frequentar grupos de auto-ajuda. Nesses encontros ele passa a conviver com pessoas problemáticas como a viciada Marla Singer (Helena Bonham Carter) e a conhecer estranhos como Tyler Durden (Brad Pitt). Misterioso e cheio de ideias, Tyler apresenta para Jack um grupo secreto que se encontra para extravasar suas angústias e tensões através de violentos combates corporais.


Início da década de 90. Christopher McCandless (Emile Hirsch) é um jovem recém-formado, que decide viajar sem rumo pelos Estados Unidos em busca da liberdade. Durante sua jornada pela Dakota do Sul, Arizona e Califórnia ele conhece pessoas que mudam sua vida, assim como sua presença também modifica as delas. Até que, após dois anos na estrada, Christopher decide fazer a maior das viagens e partir rumo ao Alasca.


Em Charming, uma pequena cidade fictícia no norte da Califórnia, nos Estados Unidos, habita o clube de motociclistas Sons of Anarchy. O grupo lida com atividades ilícitas como o tráfico de drogas e filmes pornô e é liderado por Clay Morrow (Ron Perlman) e Jax Teller (Charlie Hunnam). Além do esforço para conciliar a sua ocupação com a família e os filhos, eles tem de conviver com suas opiniões diferentes: enquanto Morrow opta pela tradição violenta, Teller se inspira no discurso revolucionário do diário de seu pai falecido.


Yellowstone segue "a família Dutton, liderada por John Dutton, que controla o maior rancho contíguo dos Estados Unidos. O rancho está sob constante ataque daqueles que faz fronteira desenvolvedores de terras, uma reserva indígena e o primeiro Parque Nacional dos Estados Unidos da América. É um estudo intenso de um mundo violento longe do escrutínio da mídia, onde as aquisições de terras ganham bilhões de desenvolvedores, e os políticos são comprados e vendidos pelas maiores empresas de petróleo e madeira do mundo. Quando assassinatos não resolvidos não são novidade, são uma consequência de viver em nova fronteira. É o melhor e o pior dos Estados Unidos, visto através dos olhos de uma família que representa ambos. 


Nesta cidade, seu caráter é medido por como você lida com a derrota, não com o sucesso.
Art Linson, referindo-se a Hollywood 


Tecnologia do Blogger.